quinta-feira, 23 de março de 2017

Trabalho livre de Daniela Silva

Daniela Silva, Perdida
tinta acrílica s/ papel, 32 x 51 cm


"Neste segundo período propus-me a realizar, para a disciplina de Desenho A, um projeto livre que consistia em representar o rosto de uma figura feminina no momento em que esta está a ser submersa.
Tudo começou quando ouvi pela primeira vez um conjunto de acordes numa guitarra que me emocionaram e me levaram a imaginar que estava submersa num oceano infinito, o único som que ouvia era aquela harmonia e nada mais passava pelo meu pensamento senão a tranquilidade que aqueles sons me transmitiam. Este trabalho representa também a necessidade de introspeção que por vezes é necessária na vida dos seres humanos, mas negligenciada devido à vida agitada que levam hoje em dia.
Ao longo do processo de concretização deste projeto ocorreram algumas mudanças, mas mantive-me fiel à ideia de elaborar uma composição que incluísse o mar e uma figura feminina. Inspirei-me em três artistas, os pintores Samantha French e Marco Grassi, conhecidos pelas suas obras hiper-realistas, e a fotógrafa subaquática Phoebe Rudomino.
Intitulei este trabalho de "Perdida", pois é uma palavra que pode ser interpretada de várias formas, apesar de para mim significar a, já mencionada, evasão do mundo agitado que se vive nas grandes cidades."
Daniela Silva, Memória descritiva

Sem comentários:

Publicar um comentário